Representantes de entidades conhecem projeto da Tarifa Manauara de Água

O Conselho Municipal de Regulação e Fiscalização dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (CMR) voltou a se reunir presencialmente, na manhã desta quinta-feira, 29/11, após quase dois anos de encontros remotos por conta da pandemia.

A 23ª reunião aconteceu na sede da concessionária Águas de Manaus e contou com a presença de representantes da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), Central Única das Comunidades, Câmara Municipal de Manaus (CMM), Indústria, Comércio, Casa Civil, Secretaria Municipal de Finanças e Tecnologia da Informação (Semef), Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) e Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Amazonas (Crea-AM).

Os serviços da concessionária foram as pautas da reunião, e o diretor-presidente da Águas de Manaus, Thiago Terada, detalhou aos conselheiros o projeto da “Tarifa Manauara”, que garante 50% de desconto nas faturas para famílias em situação de vulnerabilidade e que foi lançado em outubro, pelo prefeito David Almeida, para ampliar o número de famílias protegidas pelo benefício.

“Nosso conselho acompanha efetivamente todas as ações que envolvem os serviços essenciais regulados da cidade de Manaus e apresentar aos conselheiros, essa importante iniciativa solicitada pelo prefeito David, nos possibilita difundir a informação para todas as classes, entidades e ao mesmo tempo colher sugestões que possam somar com as demais ações em prol do saneamento básico”, afirmou o diretor- presidente da Ageman, Fábio Alho, o qual também preside o conselho.

Atualmente, 77 mil famílias já são beneficiadas com a tarifa. “Antes de tudo, nosso objetivo é cadastrar 100 mil famílias na Tarifa Manauara nos próximos meses. Com isso, Manaus vai se tornar a capital com o maior número de pessoas beneficiadas com tarifa social no país. Essa foi uma determinação do prefeito e que estamos trabalhando em conjunto para realizá-la”, disse Terada.

Conselheiros avaliam iniciativa

A iniciativa da Tarifa Manauara foi avaliada como positiva pelos conselheiros, os quais defenderam a ampliação do benefício para as famílias de baixa renda que foram fortemente impactadas pelos reflexos da Covid-19.

Para obter a Tarifa Manauara, o cliente precisa estar inserido no Cadastro Único (CadÚnico) ou em benefícios sociais do governo federal (Bolsa Família, Auxílio Brasil), e cumprir alguns requisitos como ser o titular da fatura, não possuir débitos com a concessionária e ter uma ligação hidrometrada.

Desde já, a população pode solicitar o benefício procurando a Águas de Manaus nos canais digitais SAC 0800 0920195, WhatsApp 92-982640462 ou nos pontos de atendimento da empresa nos postos do Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC).

A Ouvidoria da Ageman também orienta os usuários sobre como ter direito ao benefício. O contato pode ser feito por meio do whatsapp 98842-5821, call center 0800-092-3511, redes sociais da Ageman, e-mail ouvidoria.ageman@gmail.com ou no link https://ageman.manaus.am.gov.br/ouvidoria-agua/ ou ainda por meio do atendimento presencial no Shopping Phelipe Daou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *