TCE-AM aprova as contas de 2018 da AGEMAN

As contas do primeiro ano de criação da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (AGEMAN) foram julgadas regulares pelo Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM), durante sessão plenária desta terça-feira 11/02.

“É com grande satisfação que vemos o resultado do primeiro ano de nossa gestão financeira ser aprovado pelo colegiado do Tribunal. O que significa dizer que nosso trabalho, o qual vem sendo realizado de forma transparente, está no caminho certo”, afirmou o diretor-presidente da AGEMAN, Fábio Augusto Alho da Costa.

A sessão foi conduzida pelo conselheiro-presidente do TCE, Mario de Mello, com a presença dos conselheiros Júlio Pinheiro, responsável pela relatoria do processo, Josué Filho, Érico Desterro, Ari Moutinho Júnior, Yara Lins dos Santos e os auditores Mário Filho e Albert Furtado, além do procurador de Contas Carlos Alberto Souza, que atuou como procurador-geral em exercício.

A despesa executada pela AGEMAN em 2018 foi de R$ 1.409.167,94

O Relatório Circunstanciado das Atividades Econômico-Financeiras do exercício de 2018 em que foram apresentados os recursos que Fábio Alho administrou e o que foi aplicado durante o ano foi entregue ao TCE-AM por meio do sistema E- Contas, em cumprimento à Resolução nº 33, de 20 de dezembro de 2012, ao artigo 9º da Lei Complementar nº 06 de 22 de janeiro de 1991 e Resolução nº 006 de 22 de julho de 2009.

Texto: Tereza Teófilo – AGEMAN

Foto: Divulgação TCE-AM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *